Como liberar FTP Passivo no Windows?

Problema

Como liberar FTP Passivo no Windows?


Solução/Procedimento

Há duas formas de liberar um FTP Passivo no Windows, via Linha de Comando e a partir do Firewall (utilizando os recursos gráficos do servidor para isso):

 

Liberando FTP Passivo por linha de Comando:

1 - No Iniciar do Windows, digite "cmd", clique com o botão direito do mouse e execute-o como Administrador:

 

2 - Executaremos o seguinte comando na tela do Prompt de Comando que foi aberto no passo anterior:

    netsh advfirewall firewall add rule name="FTP (no SSL) Passive Mode" action=allow protocol=TCP dir=in localport=21

Edite no comando os parâmetros abaixo segundo sua necessidade:

  1. name : Especifica o nome da regra que criará no Firewall. Exemplo:  name="FTP (no SSL)";
  2. localport: Especifica a(s) porta(s) que serão liberadas. Exemplo: localport=21.

Basta pressionar Enter no teclado para executar o comando:

 

Caso queira liberar um intervalo de portas, por exemplo, liberar o acesso as portas do intervalo de 5500 até 57000, basta alterar no parâmetro localport o atributo, informando a porta inicial e final do intervalo separados por hífen. Exemplo:

    netsh advfirewall firewall add rule name="FTP (no SSL)" action=allow protocol=TCP dir=in localport=5500-57000

 

3 - Agora devemos ativar no firewall o filtro de aplicação para FTP (aka Stateful FTP) que irá dinamicamente abrir a porta para conexão de dados. Para isso, execute o comando abaixo:

    netsh advfirewall set global StatefulFtp enable

 

Liberando FTP Passivo partir do Firewall (utilizando os recursos gráficos do servidor):

1 - Abra o executar o Windows utilizando o atalho " + R", digite "firewall.cpl" (sem aspas) e pressione Enter no Teclado ou OK:

 

2 - Clique em Configurações avançadas:

 

3 - Clique em Regras de Entrada e depois em Nova Regra:

 

4 - Selecione o tipo de regra Porta e clique em Avançar:

 

5 - Informe as portas que deseja liberar no campo Potas locais específicas e clique em Avançar:

 

6 - Deixe marcado a opção Permitir a conexão e clique em Avançar:

 

7 - Deixe todas as opções marcadas e clique em Avançar:

 

8 - Dê um nome a regra que está criando e clique em Concluir:

 

9 - Concluído o procedimento, a regra criada está disponível para verificação e edição:

 

Referência

5 (5)
Avaliação do Artigo (5 Votos)
Avaliar esse artigo
Anexos
Não há anexos para este artigo.
Artigos Relacionados RSS Feed