Rejeição 885: GTIN informado, mas não informado o GTIN da unidade tributável [nItem:999] - Como resolver?

Quando na emissão de uma NF-e (modelo 55) ou NFC-e (modelo 65) for informado o GTIN (Campo: cEAN) e no GTIN da unidade tributável (Campo: cEANTrib),  estiver nulo ou igual a "SEM GTIN", haverá a rejeição pelo motivo 885 - GTIN informado, mas não informado o GTIN da unidade tributável [nItem:999].

 

Exceções e Observações

Para essa Regra de Validação não há exceções e nenhuma observação.

 

Regra de Validação da Sefaz

Exemplo

Foi emitida uma NF-e com o campo cEAN preenchido com o código 17898357410012e no campo cEANTrib não foi preenchido nenhum valor. Nessas condições, a NF-e foi rejeitada pelo motivo 885.

Trecho de XML:  

<prod>
    <cProd>272128RA</cProd>
    <!-- GTIN (Global Trade Item Number) do produto, antigo código EAN ou código de barras -->
    <cEAN>17898357410012</cEAN>
    <xProd>J.B. Impressora Officeprint 1420</xProd>
    <NCM>94034000</NCM>
    <CFOP>6107</CFOP>
    <uCom>PC</uCom>
    <qCom>1.0000</qCom>
    <vUnCom>118.90000000</vUnCom>
    <vProd>118.90</vProd>
    <!-- GTIN (Global Trade Item Number) da unidade tributável, antigo código EAN ou código de barras -->
    <cEANTrib/>
    <uTrib>UN</uTrib>
    <qTrib>1.0000</qTrib>
    <vUnTrib>118.90000000</vUnTrib>
    <indTot>1</indTot>
</prod>

 

Como resolver?

Caso o seu sistema ERP faça o cálculo / geração automática do GTIN de cada produto, é importante reportar essa situação a sua equipe de suporte / desenvolvimento para que seja corrigido o problema. O campo cEANTrib deve ser preenchido sempre que o campo cEAN for preenchido.

No exemplo apresentado, para resolução foi preenchido o GTIN correspondente.

Trecho de XML que deverá ser alterado: 

<det nItem="1">
<prod>
    <cProd>272128RA</cProd>
    <!-- GTIN (Global Trade Item Number) do produto, antigo código EAN ou código de barras -->
    <cEAN>1789835741003</cEAN>
    <xProd>J.B. Impressora Officeprint 1420</xProd>
    <NCM>94034000</NCM>
    <CFOP>6107</CFOP>
    <uCom>PC</uCom>
    <qCom>1.0000</qCom>
    <vUnCom>118.90000000</vUnCom>
    <vProd>118.90</vProd>
    <!-- GTIN (Global Trade Item Number) da unidade tributável, antigo código EAN ou código de barras -->
    <cEANTrib>1789835741003</cEANTrib>
    <uTrib>UN</uTrib>
    <qTrib>1.0000</qTrib>
    <vUnTrib>118.90000000</vUnTrib>
    <indTot>1</indTot>
</prod>

Após a correção da NF-e, faça o reenvio do documento.

 

Referências 

 

4 (1)
Avaliação do Artigo (1 Votos)
Avaliar esse artigo
Anexos
Não há anexos para este artigo.
Artigos Relacionados RSS Feed
Comentários (2)
Nome
Email
Código de Segurança Security Code
Comentado por Fabio Paulino dos Santos - 07/08/2018 11:32:57
Não seria mais fácil se voces explicarem que é só repetir o código ( EAN ou GS1 ) no campo EAN tributável que desaparece o erro. A mensagem no programa vem escrita valor -o que dá impressão de um valor monetário ou unidade de produto e na realidade é um número de código de barras. Aproveitando meu comentário acho que os desenvolvedores destes programas quando atualizam as versões ficam inventando coisas desnecessárias para aumentar a perda de tempo e aumentar a parte burocrática em vez de facilitar, Ajudem a divulgar isso em todos os meios de comunicação possível.
Comentado por Marcos Vieira - 10/08/2018 14:57:12
Fabio, boa tarde! Repetir o código GTIN nem sempre deve autorizar o documento, o certo é preencher o código correspondente, de acordo com o cadastro no GS1. O valor no caso, deve representa qualquer dado preenchido no campo e pode ser generalizado, (numero, preço, tamanho, grau, etc). Recomendo que você repasse essas recomendações aos desenvolvedores do sistema da sua empresa.